top of page
  • Foto do escritorArquitetos Online

Uso de rochas em projetos de interiores

A busca por inovação no design de interiores sempre traz arquiteturas arrojadas, inovadoras e, em sua grande maioria, com um ar futurista.

Mas, e se na hora de decorar o seu ambiente você utilizar algo mais primitivo e simples, como pedras, por exemplo? Essa tendência está ganhando cada vez mais espaço no mercado da arquitetura.


Prática comum na Grécia

Em diversas construções antigas e atuais na Grécia, a utilização de pedras e rochas é extremamente tradicional. Tanto no visual externo quanto no visual interno das construções.

Essa prática vem ganhando força no Brasil, com as rochas tendo cada vez mais espaço no design de interiores das residências. A atividade ainda traz um ganho de climatização significativo dentro da construção.

Seja na elaboração de uma parede ou em acabamentos em determinado cômodo, a utilização de rochas traz um design arrojado e diferente para o interior de qualquer casa.


Elemento construtivo e decorativo

As pedras não precisam ser predominantes em um ambiente, e podem aparecer como objetos de decoração, ou até mesmo de uma construção mais rústica em determinado ambiente.

Apoio para uma meta, ou então como base para um banco, as pedras podem surgir de maneiras diferentes dentro do ambiente, funcionando como um “coringa” na decoração.


E no ambiente externo?

Um local mais comum de ver as pedras são em ambientes externos, sejam em jardins mais rústicos ou até mesmo em muros. Essa é outra maneira simples e eficaz de trazer esse material para uma construção.


Além disso, a pedra também pode ser utilizada no solo, em ambientes de maior trânsito de carro, por exemplo, dando um contraste diferente para a casa.


Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus amigos!

Comentários


Os comentários foram desativados.
bottom of page